sexta-feira, 28 de junho de 2013

O Amor Pode Estar do Seu Lado!

O post de hoje tem um significado muito especial para mim.
Tenho a honra de escrever sobre uma pessoa querida, amigo- irmão, que passou por poucas e boas até encontrar o verdadeiro amor e nunca deixou de acreditar na existência da sua cara metade.
Para descrever o encontro de duas pessoas, é muito difícil não lançarmos mão de inúmeros clichês.
E, no caso do Fabi e da Pri, encontramos diversos deles que, não só coroaram a
história dos pombinhos, como fizeram dela muito mais gostosa de contar.
Mas, quem vai contar esse causo, para vocês, não sou eu, são os próprios noivos.
Assim fica bem mais interessante, né?
Vamos lá?

Versão da Pri

Conheço o Fabi há quase 9 anos, mas começamos a ter mais contato quando ele começou a trabalhar no mesmo programa que eu, o Casos de Família.
Nessa época, eu namorava, ele também, por isso nunca olhei para ele de uma forma diferente, mas a admiração e carinho, isso sempre existiu.
Quando o Fabi terminou o relacionamento dele, eu já estava solteira, nossos amigos de produção começaram a brincar, falavam que nós tínhamos que ficar juntos.
Aos poucos foram surgindo convites para jantar, mas eu, um pouco assustada, fugia do que seria um encontro, afinal, somos amigos há anos e trabalhamos juntos.
Mas a vontade de conhecê-lo de outra maneira foi aumentando, e um belo dia decidi aceitar o tal convite e deixar o medo de lado.
Sim, foi a decisão mais sábia que tomei na vida, e depois desse dia outros encontros vieram e naturalmente a paixão foi tomando conta de nós.
Posso dizer que 2013 é o ano da minha vida: namoro, noivado, casamento, lua de mel e a descoberta de um homem incrível, um sentimento forte e sincero pra vida toda.

Versão Fabi

Eu e a Pri nos conhecemos há quase 9 anos na empresa em que trabalhamos e há quase 8 anos passamos a trabalhar juntos no mesmo departamento.
Cada um tinha o seu relacionamento.
O meu não deu certo, conheci outra pessoa e, no final de 2012, nos separamos.
A Pri já estava solteira.
A turma do trabalho passou a incentivar a gente a sair, o que acabou acontecendo no dia 29/12/12.
A partir do terceiro encontro, não nos separamos mais!
Com menos de 2 meses de namoro já falávamos em casamento.
Pensamos em apenas morarmos juntos, mas o sonho de casar, com cerimônia e festa falou mais alto. Fizemos as contas, pesquisamos buffets e marcamos o casamento para o dia 08/09/2013.
A sensação de descobrir o amor verdadeiro aos 40 anos, com uma pessoa que eu divido o meu dia a dia por mais de 7 anos, é indescritível!
Temos uma frase que marca o nosso momento e que está no nosso convite de casamento, que é:
"Às vezes Deus acerta tanto que a gente nem sabe como agradecer." (Flora Figueiredo)




Tudo tem, realmente, a hora certa para acontecer.
Mais um clichê! rs.

Nem preciso dizer o quanto torço para que tudo corra perfeitamente nesse tempo de preparação para o grande dia e na vida de vocês!
Continuo aqui para o que precisarem, viu?